segunda-feira, 30 de maio de 2011

Microsoft está inutilizando Xbox 360 desbloqueados


Quando atualizações para videogames se tornaram padrão, a maioria das pessoas viu isso como uma bênção, trazendo sempre novas funções, garantindo que seu console tivesse uma vida útil mais longa. Conforme a geração avançou, muitos problemas provenientes delas surgiram e logo começaram a se tornar inconvenientes. Agora, a mais recente atualização daMicrosoft pode estar desativando consoles modificados. 

Microsoft pode estar inutilizando Xbox 360 desbloqueados (Foto: Gematsu)Microsoft pode estar inutilizando Xbox 360 desbloqueados 
Segundo o jornalista Alex Rubens, seu Xbox 360 parou de funcionar, exibindo uma mensagem de erro E66. Quando entrou em contato com o serviço de suporte da Microsoft, o atendente lhe esclareceu que o código E66 era referente a consoles modificados, e que por isso teria violado os termos de serviço. O único problema é que ele nunca modificou seu console. 
Insistindo com o atendente, dizendo que nunca havia modificado seu Xbox 360, o jornalista recebeu a resposta de que eles sabiam que o console teria sido alterado, por métodos que não poderiam revelar, dizendo que se ele insistisse, poderia pagar US$ 100 para enviar o console para o centro de reparo e que eles então provariam que ele teria sido modificado. 
Microsoft negou que houvesse uma atualização inutilizando consoles modificados, dizendo “Vocês receberam informação incorreta. Nós não desabilitamos consoles. Só banimos eles da[Xbox] LIVE“.
Mais relatos de erros E66, no entanto, estão aparecendo por parte de usuários com consoles sem modificações, enquanto outros com consoles modificados, estão dizendo que não tiveram problema algum com a atualização. 
Modificações no console realmente vão contra os termos de uso do videogame, o que faz o console ser banido da rede Xbox LIVE, até porque tais modificações além de permitirem o uso de jogos piratas, possibilitariam outras funções adversas que poderiam ser danosas a terceiros caso permitidas online, o que dá àMicrosoft toda a base necessária para justificar a remoção do console do serviço. 
Recentemente uma outra atualização, que prepara o sistema para receber um novo formato de mídia, inutilizou um número bem pequeno de consoles, os quais a Microsoft se ofereceu para trocar.