domingo, 31 de julho de 2011

Presos em aeroporto com 196 quelônios

Eles levavam 26 exemplares de uma das espécies mais raras do mundo.

 

Estima-se que restem 200 exemplares 'Astrochelys yniphora' na natureza.

Um par de contrabandistas foi detido no aeroporto de Antananarivo, em Madagascar, tentando embarcar com 196 quelônios num voo para a Indonésia. Dentre os animais apreendidos, havia 26 exemplares da rara espécie Astrochelys yniphora, segundo informou a rede de monitoramento de tráfico internacional de animais Traffic nesta quinta-feira (28).
 (Foto: AFP PHOTO / TRAFFIC SOUTHAEAST ASIA /CHRIS SHEPHERD)Foto de arquivo mostra exemplares da rara 'Astrochelys yniphora'. (Foto: AFP PHOTO / TRAFFIC SOUTHAEAST ASIA /CHRIS SHEPHERD)
De acordo com a União Internacional para a Conservação da Natureza dos Recursos Naturais (IUCN, na tradução do inglês), calcula-se que existam apenas 200 quelônios dessa espécie vivendo na natureza – o que significa que os suspeitos transportavam mais de 10% do que resta desses animais. Segundo a IUCN, a Astrochelys yniphora encontra-se “criticamente em perigo”.
Além das 26 Astrochelys yniphora, os suspeitos ainda levavam 169 Astrochelys radiata e 1Pyxis arachnoide, outras espécies de quelônios ameaçados, em uma caixa e três bolsas. As variedades apreendidas só ocorrem em Madagascar.
O comércio dessas espécies raras é vetada por um acordo internacional de tráfico de animais. Ainda assim, não raro elas são encontradas à venda em países do sudeste asiático.